O sangramento na gengiva pode ser um sinal de que há algo errado com seu organismo ou em sua flora bucal. Além de prejudicar a harmonia do sorriso, ainda contribui para uma higiene oral deficiente, já que pode tornar a escovação inadequada, por medo de se machucar ainda mais o tecido gengival.

Lembre-se de que, se a limpeza diária da boca e dos dentes não for feita adequadamente, o problema ainda pode se agravar. Isso porque, além do possível aparecimento de cáries, podem surgir doenças nas gengivas.

Neste post, vamos falar sobre as possíveis causas dessa condição de saúde e o que fazer quando ela acontece. Acompanhe!

O que causa o sangramento na gengiva?

Quando a gengiva sangra, pode significar que a higienização está deficiente, o que causa a gengivite, que é uma inflamação dos tecidos que sustentam os dentes, provocada pela formação da placa bacteriana nos tecidos.

Caso a placa bacteriana não seja removida com a escovação diária, ela se acumulará na flora bucal e formará o tártaro — massa escurecida e dura, que apenas pode ser removida com uma limpeza profissional, feita por um dentista.

A formação do tártaro, além de levar ao aumento do sangramento gengival, ainda contribui para o estágio avançado da gengivite, conhecido como periodontite — doença que, se não tratada, pode levar à perda dentária.

Outros fatores que podem levar as gengivas a sangrarem é a escovação com muita força, o que pode machucar os tecidos e causar a retração gengival, e o uso inadequado ou não rotineiro do fio dental.

É normal a gengiva sangrar ao passar o fio dental?

É comum as pessoas pensarem que um pouco de sangramento durante o uso do fio dental é normal. Passar fio dental é essencial para completar a higiene bucal, pois ele remove os resíduos acumulados entre os dentes, onde a escova não alcança. Essa etapa da higiene é fundamental para impedir que a placa bacteriana se forme.

Então, se ocorre o sangramento quando se faz a assepsia com o fio dental, fique alerta para a possibilidade de ser gengivite ou periodontite. Além disso, você precisa saber que não são apenas essas doenças que causam sangramento na gengiva. Outros fatores também contribuem para o problema, tais como:

  • falta de vitamina K;
  • alterações hormonais durante a gravidez;
  • próteses mal adaptadas;
  • leucemia;
  • infecção, que pode ser causada por doenças gengivais;
  • escorbuto;
  • uso de afinadores de sangue (anticoagulantes), etc.

Portanto, em caso de dúvida sobre a causa do sangramento, você deve procurar um dentista, já que as circunstâncias podem ser mais graves do que apenas a falta de limpeza adequada ou escovação exagerada.

Qual a diferença entre gengivite e periodontite?

Uma gengiva saudável é aquela que apresenta uma cor rosada e sem pigmentos. Seu contorno ao redor dos dentes é bastante uniforme e não há inchaços, muito menos sangramentos.

Quando ela apresenta alguma doença como a gengivite ou a periodontite, além dos sangramentos, ainda há presença de inchaço: a gengiva fica mais afastada dos dentes e o tecido ainda fica avermelhado, o que demonstra bem a inflamação. Mas qual a diferença entre a gengivite e a periodontite?

A gengivite é o problema mais comum de doença periodontal. Ela é o primeiro estágio da infecção nos tecidos. Quando ela não é tratada, avança de nível e atinge o osso alveolar — que é o responsável pela sustentação dos dentes na boca. Isso pode causar incômodos, como ardência e dor.

A periodontite é caracterizada pelo avanço da gengivite. Quando a doença atinge esse estágio, o osso alveolar e as fibras responsáveis pela sustentação dos dentes ficam comprometidos. O paciente apresenta bolsas ao redor dos dentes, que contribuem para o acúmulo de resíduos alimentares e placa bacteriana.

A doença pode causar a perda dentária, mas essa não é a única consequência da periodontite. As bactérias presentes nas gengivas podem cair na corrente sanguínea e causar problemas de saúde, inclusive afetarem o coração. Mulheres grávidas, por exemplo, podem sofrer um parto prematuro, devido à periodontite.

O que fazer quando a gengiva começar a sangrar?

A primeira coisa a ser feita é observar seus hábitos, pois o sangramento pode ser consequência de alguma lesão causada na boca pelo hábito de escovar os dentes com força. Se esse não for o caso, o ideal é procurar o dentista o mais rápido possível.

O profissional examinará sua boca para identificar a possível causa do problema. Após o diagnóstico, o dentista indicará a solução para que sua saúde bucal seja restaurada. Caso o problema seja gengivite, uma limpeza profunda, feita no consultório já resolve o problema.

Mas se a causa for a periodontite, o tratamento é um pouco mais complexo e as medidas a serem tomadas dependem da gravidade do problema. Por outro lado, se verificar-se que os episódios de sangramento no tecido gengival não são um problema de saúde tipicamente oral, o médico deverá ser consultado.

Clique e agende sua avaliação

Como evitar doenças nas gengivas?

Embora sejam problemas de saúde bucal graves, as doenças nas gengivas podem ser evitadas. O ideal é adotar bons hábitos higienização, escovar os dentes sempre após as refeições e passar o fio dental regularmente. Nunca negligencie a escovação noturna, pois é outra forma eficaz de manter suas gengivas bonitas e saudáveis.

Adotar uma dieta saudável, longe do excesso de açúcar, alimentos processados e frituras também é importante para manter a boca saudável. Ainda, as visitas regulares ao dentista são indispensáveis, pois além de cuidar das gengivas, o profissional procurará sinal de qualquer outra doença como a cárie, por exemplo.

Durante as consultas odontológicas, o profissional indicará a realização da limpeza em consultório. Esse procedimento deve ser feito a cada 6 meses e garante que sua saúde bucal esteja sempre em dia.

Como você viu, o sangramento na gengiva não é normal e ao menor sinal de hemorragia, o dentista deve ser consultado. O problema tem solução e, quanto antes você buscar ajuda, mais rápido e eficaz será o tratamento.

Tem dúvidas sobre sua higiene bucal ou precisa de atendimento especializado? A Sorrisus é o local certo para você cuidar da sua saúde oral com o acompanhamento de profissionais competentes. Entre em contato conosco e conheça nossa equipe!